quarta-feira, 21 de março de 2012

Daniel - notícias atualizadas

Ontem postei informações quando ainda não tinha ido ao Consultório do Dr. Júlio Toporovski. Então vamos atualizar:
Passo os contatos da clínica para quem precisar


Como contei num dos posts mais antigos, o Daniel nasceu com Refluxo Vésico-Ureteral. Descobrimos quando aos 6 meses ele parou de engordar. Fizemos exame de urina e ele estava com infecção urinária. Ficou internado por 10 dias e nossa perigrinação em busca de informações começou.

Graças a Deus, nesse período recebemos a indicação do Dr. Júlio que explicou exatamente o que estava acontecendo e indicou não partirmos para a cirurgia. Então explicando melhor: o Daniel nasceu com esse refluxo urinário, no lado esquerdo. O xixi retorna da bixiga para o rim e se a urina estiver contaminada com alguma bactéria acaba tendo infecção. Esse rim, hoje, tem cerca de 16% de função. O rim direito funciona muito bem e já cumpre a função dos dois. O problema é que o refluxo pode ter até 5 níveis (gravidade) e o do Dani é o nível mais alto. Isso significa que o organismo dele não conseguiu corrigir por si só o problema. Essa "auto-correção" pode acontecer até o nível 3. Mesmo assim, o Dr. Júlio entende que não devemos partir para uma cirurgia. Enquanto isso, o Dani toma antibiótico profilático de 12 em 12 horas (Wintomylon).

Último episódio
No sábado, o Angelo levou o Dani para fazer o exame de urina, como fazemos a cada 2 meses e ao pegar o resultado na segunda a noite, descobriu que o resultado tinha sido positivo para infecção. Como a alteração dos leucócitos estava baixa, achei melhor refazermos o exame no Hospital Edmundo Vasconcelos. Lá fomos nós três, rezando para que o resultado tivesse sido um falso-positivo.

Depois de sermos muito bem atendidos (como sempre!!! Só tenho elogios para esse hospital), tivemos a certeza de que o Dani estava mesmo doente. O engraçado é que normalmente ele não tem febre e nenhum outro sintoma nesse começo. O protocolo médico diz que nesses casos a criança deve ficar internada, mas essa não é a posição do Dr. Júlio. E a minha insegurança sempre começa quando tenho que falar para o médico que está atendendo que não vou seguir a sua orientação e sim do Dr. Júlio. Ainda bem que até agora todos entenderam perfeitamente.

Fomo almoçar (chegamos às 9h30 no hospital e saímos de lá às 11h40) e depois fomos para o Consultório. Graças a Deus que dessa vez, o Dani não precisou tomar injeção. O Dr. receitou 8 dias de Keflex de 8h00 em 8h00 (esse é um outro capítulo que falo depois) e me deu mais uma aula sobre o assunto. A consulta custa R$ 350,00 mas vale a pena. São quase 60 minutos de uma explicação muito didática.

Fomos atrás do remédio e depois para a escola assistir o futebol do Matheus. Só depois fomos para a casa para medicar o Dani (acho que isso foi errado, devíamos ter dado o remédio logo que compramos). Às 9h00 ele teve febre e começamos com a Novalgina. Não dormimos quase nada para poder monitorar a febre. Medicamos com Novalgina ovamente às 4h00 e na escola por volta das 10h00. Agora estou aguardando para ver se a febre não volta. Se persistir levaremos novamente ao médico.

Sentimentos
Não entendo essa situação como um castigo de Deus, mas sei que é algo para crescermos juntos. Não fico revoltada e nem desesperada, mas tenho um sentimento meio ambíguo. Ao mesmo tempo quero que as pessoas entendam o quanto é difícil, mas não quero que fiquem dramatizando a situação. Fico irritada com muitas perguntas e acabo maltratando todos.

Nesses momentos só me sinto a vontade junto com o Angelo e o Matheus. Nós quatro entendemos um ao outro e nos apoiamos. Depois que tudo está controlado percebo o quanto fui injusta e acabo ficando muito culpada com as minhas reações.

3 comentários:

  1. Boa Noite Catia
    Passei por esse mesmo problema com a minha filha Bianca que hoje está com 29 anos,levou 1 ano para descobrir,começou o prolema com 1 ano e meio, o pediatra tratava apenas como infecção urinária, até que passei com um médico particular que era muito caro Dr Luciano Stanka e Silva , ele mandou fazer urografia excretora e uretrocistorafia,foi aí que diagnosticou o refluxo urinário, começou a tomar o mesmo antibiótico que vc está dando e importei dos EUA Lisado de rim!
    Sei muito bem o que vcs sentem, mas graças a Deus temos um Deus poderoso que com certeza assim como curou minha filha vai curar o seu filho tbm!
    Vou orar por vcs e que Deus os abençõe imensamente!!!
    Noemi.

    ResponderExcluir
  2. Noemi: muito obrigada pelo comentário. Só não entendi o Lisado de Rim. O que é isso? Vou pesquisar.

    ResponderExcluir